TSHOW Vence IDM e Assume Vice-Liderança no Circuito Desafiante!

Fim da penúltima rodada da Fase Regular do Circuito Desafiante de League of Legends. Na noite desta terça-feira, TSHOW venceu a Ilha da Macada e subiu para a vice-liderança da competição – empurrando o Flamengo para a terceira posição. Iron Hawks e 5 Fox empataram e deixaram completamente em aberto a briga contra o rebaixamento e pela quarta vaga nos playoffs.

Jogo 1: A chifrada do Bode

Destaque: DudsTheBoy, Varus, 5/2/9

A IDM teve um bom começo de jogo. Os Macacos saíram na frente em abates e objetivos, impondo um ritmo agressivo contra a T Show. No entanto, a equipe travou na rota central. O uso precipitado do Arauto freou as investidas da IDM, pois a primeira torre do mid não caiu. Assim, os Bodes se organizaram ao redor do meio, forçaram uma luta favorável e ganharam tempo para respirar.

A T Show assumiu verdadeiramente o controle quando o Barão nasceu. A IDM queria um pick-off sobre Nyu (Gnar) na rota inferior, mas usou Carioca (Olaf) para tentar a jogada, afastando o Caçador das redondezas do objetivo mais importante da partida naquele momento. Com isso, a T Show controlou a área do Barão, lutou de forma cadenciada, garantiu um Ace e o próprio Nashor. O bônus foi decisivo: DudsTheBoy (Varus) e companhia souberam aproveitá-lo ao máximo, dominando completamente os Macacos, tanto em lutas quanto em rotações.


Jogo 2: Uma aula de Galio

Destaque: Krastyel, Galio, 1/0/8

Se no primeiro jogo os Bodes precisaram buscar uma virada, na segunda partida eles controlaram o duelo desde o início. Zuao usou seu Kha’Zix para atacar a rota central adversária sem piedade, primeiro tirando o Flash do Anyone (Syndra), e depois garantindo o First Blood, abusando da pouca cobertura oferecida por Carioca (Olaf). As próximas jogadas também foram todas dos Bodes, que aproveitaram seu maior número de Teleportes (2 contra 1, da IDM) para chegar em peso à rota inferior, vencer a luta e destruir a Primeira Torre.

Os Macacos até conquistaram algumas eliminações pontuais, mas elas não foram o bastante para reduzir o ímpeto dos Bodes. Sempre que Krastyel (Galio) tinha sua ultimate disponível, a equipe buscava lutas de grandes proporções, ciente de todo o controle de grupo que seu Meio proporcionaria. A T Show não teve dificuldades para vencer, só precisando do primeiro Barão para fechar o jogo.

Fonte: LoLeSportsBR